Tenho o terrível defeito de adorar causas perdidas. Torço sempre pela equipa que está em desvantagem e compro sempre os livros que são desvalorizados nas estantes das livrarias. Acontece o mesmo com os homens, porque procuro sempre aqueles que não se deixam seduzir assim tão facilmente. Descobri com a Rosa Lobato Faria que as grandes paixões são sempre infelizes e aprendi que a desvalorização dos livros nas estantes das livrarias resulta sempre em valorizações pessoais.

Sem comentários:

Enviar um comentário